CASAR COM ÍMPIO É JOGAR NA LOTERIA E ESPERAR PELA SORTE DE SER FELIZ.

Comentários
A Bíblia diz: “Não vos enganeis: as más conversações corrompem os bons costumes” (I Coríntios 15:33).
Ter qualquer tipo de relacionamento íntimo com um incrédulo pode rapidamente e facilmente se tornar algo que obstrua sua caminhada com Cristo. Somos chamados a evangelizar os perdidos, não a sermos íntimos com eles. Não há nada errado em construir amizades de qualidade com os incrédulos, mas isto é o máximo que se pode fazer.
Se você estivesse namorando um incrédulo, como vocês dois poderiam cultivar intimidade espiritual dentro do casamento?
Como um casamento de qualidade poderia ser construído se vocês discordassem no assunto mais importante do universo que é a fé em Jesus Cristo?
O pai fala, a mãe aconselha, o pastor orienta, mas mesmo assim muitas moças preferem se aventurar em relacionamentos que, certamente, vão trazer dor, tristeza e sofrimento no futuro.
Vai ter acampamento mas o marido não vai, pois prefere ir beber cerveja com os amigos.
Haverá um trabalho especial com os moradores de rua, mas o marido tem um futebol com a turma do trabalho.
A Igreja se mobilizou e todos vão para o retiro de carnaval, mas o marido não aceita que a esposa se ausente do lar nos quatro dias do evento.
No caso do jugo desigual entre o crente e o descrente, um vai estar preocupado com as coisas espirituais e o outro com as coisas materiais. Um vai em busca das coisas eternas na direção do céu e o outro nas coisas passageiras do mundo.

SERÁ POSSÍVEL CAMINHAR, OS DOIS JUNTOS, SE NÃO ESTÃO DE ACORDO ? COMO HAVERÁ COMUNHÃO ENTRE A LUZ E AS TREVAS ?

“...nem contrairás matrimônio com os filhos dessas nações; não darás tuas filhas a seus filhos, nem tomarás suas filhas para teus filhos; pois elas fariam desviar teus filhos de mim, para que servissem a outros deuses; e a ira do SENHOR se acenderia contra vós outros e depressa vos destruiria.”
(Dt 7.3,4)

Arte e texto: Pastor Melqui

back to top