Acabou o amor, o que faço?

Comentários

Você sabia que o amor é algo que vem de Deus?
Existe uma diferença entre paixão e amor. Segundo o dicionário, paixão é um afeto violento. Defino paixão como um desejo incontrolável por alguém. Um desejo que trás cegueira a ponto do apaixonado não enxergar os erros de quem está apaixonado; das complicações que esse relacionamento pode trazer e das conseqüências do envolvimento. Como dizem, a paixão nos leva a fazer loucuras, porque é tão forte que se torna difícil de controlar. Já o amor é um sentimento mais maduro; é real e permanente, diferente da paixão que um dia acaba. A melhor definição de amor foi dada por Deus em I Co 13 (NTLH):
“4 Quem ama é paciente e bondoso.
Quem ama não é ciumento,
nem orgulhoso, nem vaidoso.
5 Quem ama não é grosseiro nem egoísta;
não fica irritado, nem guarda mágoas.
6 Quem ama não fica alegre quando alguém
faz uma coisa errada,
mas se alegra quando alguém
faz o que é certo.
7 Quem ama nunca desiste,
porém suporta tudo com fé, esperança
e paciência.
O amor é eterno.”
A paixão é temporária e um dia acaba, mas como lemos o amor é eterno.
Precisamos ter um relacionamento de amor cheio de paixão.
Quando o amor acaba, está faltando Deus no relacionamento. O amor é um fruto do Espírito Santo que é Deus: 


“22 Mas o Espírito de Deus produz o amor, a alegria, a paz, a paciência, a delicadeza, a bondade, a fidelidade, 23 a humildade e o domínio próprio. E contra essas coisas não existe lei. 24 As pessoas que pertencem a Cristo Jesus crucificaram a natureza humana delas, junto com todas as paixões e desejos dessa natureza. 25 Que o Espírito de Deus, que nos deu a vida, controle também a nossa vida!” - Gl 5.22 (NTLH)
Deus produz o amor, mas para isso é preciso ter o Espírito Santo dentro de nós. A única maneira de fazer isso é através da oração, pedindo para Deus entrar em nosso coração. A Bíblia diz que Deus é amor, portanto ninguém pode dar o verdadeiro amor sem ter Deus, pois ninguém pode dar o que não tem.
Se no seu casamento não existe mais  amor, é porque está faltando Deus. Quanto mais Deus, mais amor.
Talvez você tenha casado na paixão, mas agora chegou a hora de ter o amor. A única maneira é vocês como casal, se aproximarem de Deus.
Ir somente a Igreja não significa que você está próximo de Deus, é preciso mais do que isso. É preciso compreender a Bíblia, orar e principalmente buscar a santidade.
Essa também é a maneira pela qual o amor do seu cônjuge pode ser conquistado. Quando andamos pelos princípios bíblicos, fazendo a vontade de Deus, somos transformados em pessoas melhores e, portanto mais queridas pelo próximo. Dessa forma, o transformado é uma pessoa mais fácil de ser amada, pois é uma pessoa justa, amorosa, piedosa, sábia alegre, amiga, prestativa, doadora e com todos as qualidades cristãs. Conheço muitas pessoas que depois de se converterem, conquistaram seu cônjuge, pois se tornaram o homem ou a mulher dos sonhos.
Perceba que de um jeito ou de outro, a receita é a mesma:
Para conquistar ou recuperar o amor de seu cônjuge, torne-se um cristão verdadeiro, andando nos caminhos de Deus.
Falo isso com propriedade, pois toda a vez que prego, ou escrevo um texto cristão, ou dou um ensino, ou um aconselhamento; ou seja, toda vez que manifesto Deus na minha vida, o amor de minha esposa por mim, aumenta mais.
Somente Deus pode colocar o amor no coração de seu cônjuge. E Ele quer usar você para isso.
Conquiste o amor de seu cônjuge. Não desista, mesmo que demore. Busque a Deus em todas as áreas e incentive seu cônjuge a fazer o mesmo.
Você terá um casamento cheio de amor!!!

Casais na plenitude / Portal Padom

back to top